sábado, 26 de novembro de 2016

Ficha Aromática: Nardo (Nardostachys Jatamansi)



Nome científico: Nardostacys jatamansi
Processo de extração: destilação a vapor
Coloração: amarelo-dourada
Viscosidade: média
Nota perfumística: meio
Persistência da nota inicial: de média a forte
Descrição olfativa: terral, doce, amadeirado, quente, condimentado, agreste.

O nardo é uma planta herbácea, das valerianáceas, cujo rizoma é raiz aromática e já foi muito usada pelos antigos em perfumaria. O nome das espécies Jatamansi é adotado para a erva diretamente do sânscrito.O Nardo Bíblico era um ungüento aromático suntuoso, preservado em caixas de alabastro.

“Então Maria pegou um frasco de nardo puro, que era um perfume caro, derramou-o sobre os pés de Jesus e os enxugou com os seus cabelos. E a casa encheu-se com a fragrância do perfume.” (João 12:3)

“Jesus estava à mesa. em Betânia, na casa de Simão, o leproso, quando chegou uma mulher com um vaso feito de alabastro, cheio de perfume de nardo legítimo, de grande valor. quebrando o vaso de alabastro, derramou-lhe o perfume sobre a cabeça.” (Marcos 14:3).

A fragrância, parecida com a do almíscar, é considerada atrativa. É uma planta perenial ereta, que cresce de 10 cm a 60 cm. Suas folhas são alongadas e espatuladas, sésseis, oblongas e subovais. As flores são cor de rosa, azul-rosadas ou violeta-pálido.

Composição: rico em acetato de borneíla, valerianato de isoborneíla, borneol, alcool patchuli, valerianato de trepinila, alfa- e beta-patchuleno, d-nardostachona, aromadendrona, alfa-cadineno e vatarona. Outros constituintes: aristoleno, beta-hidroxipino-resinol, jatanol, lonatin, maaliol, nordol, selinidin. entre outros.

Estes compostos conferem ao óleo de nardo, propriedades antisséptica, antiepasmódica, antimicrobiana, antiinflamatória, antipirética, diurética (borneol), tônico cardíaco e do sistema nervoso.



No campo terapêutico, é um óleo indicado como:

Antibacteriano: esta é uma das propriedades que torna este óleo (e, claro, o nardo), um remédio potente para muitas doenças da pele resultantes de infecções bacterianas. E não só na pele, mas ajuda a diminuir a multiplicação bacteriana no interior do corpo também. Pode ser aplicado nas feridas para protegê-las das infecções bacterianas e é também eficaz na cura de infecções bacterianas na uretra, bexiga, rins, pé de atleta, a cólera, envenenamento por alimentos, choque séptico, tétano etc.

Antifúngico: esta propriedade, auxiliada pela propriedade antibacteriana, faz do óleo essencial de nardo um remédio eficiente para os cuidados com a pele. Ele ajuda a curar doenças causadas por infecções de fungos na pele, tais como intoxicações alimentares por fungos, dermatites, manchas na pele, coceiras, deformação na pele a psoríase, etc.

Antiinflamatório: esta propriedade do nardo, que está presente no seu óleo essencial, faz com que consiga combater quase todos os tipos de inflamações, seja no sistema nervoso, digestivo ou respiratório.

Desodorizante: a fragrância que lembra a terra molhada e musgo do óleo essencial de nardo é muito calmante sobre os nervos e a mente, além de dar uma sensação de conforto. Assim, não admira que tal fragrância seja usada como um desodorizante.

Sedativo: o nardo é um sedativo conhecido e ajuda a manter o equilíbrio físico, mental e psicológico. Ele acalma inflamações no sistema digestivo e nervoso, irritação, problemas nervosos, convulsões, depressões, stress e sentimentos como ansiedade, raiva, pânico, etc. Também acalma problemas cardíacos, como palpitações anormais, inquietação. Este sedativo e relaxante também pode ajudar pessoas que sofrem com insônia.

Uterino: é usado como depurativo para o útero e ovários. Estimula o útero e os ovários e a secreção de hormônios como o estrógeno e progesterona que ajudam a manter a boa saúde e a capacidade reprodutiva desses órgãos.

Outros Benefícios: pode ser usado para tratar alergias, febre, hemorróidas, varizes, dor de angina e para ajudar a regeneração das células, a cura de feridas, circulação do sangue e linfa e secreção de hormônios e enzimas.

No campo psicológico/emocional, aterra e equilibra, traz força e coragem.

Ajuda as pessoas que querem retomar o comando de suas vidas. Prepara o espírito para a passagem, liberando o medo e as mágoas.

É a fragrância do perdão. Auxilia a liberar o passado de grilhões de nossa própria criação, aqueles que nos fazem repetir ações que afetam a liberdade do espírito. Expande a consciência. Perfeito para unções e equilíbrio dos chakras.

Nicholas Culpeper (1652) já afirmava que o nardo “conforta o cérebro”, “auxilia paixões” e ampara o coração fragilizado. Gabriel Mojay, em “Aromatherapy for Healing the Spirit”, reafirma as qualidades curativas do nardo para as feridas emocionais, pois reestabelece o “desânimo e ressentimento com aceitação e compaixão”, fortalece a fé e a serenidade, “transmite o poder da devoção no próprio caminho escolhido”. Muito útil para pessoas que possuem dificuldade para se exprimir, para deixar a vida, o amor e a alegria de viver circular dentro de si. Suas propriedades psicoaromaterápicas ajudam a centrar, equilibrar, encorajar e acalmar. Alivia a ansiedade, o estresse e ajuda a nos desfazer das “amarras” emocionais.

Referências:

CORAZZA, S. Aromacologia: uma ciência de muitos cheiros. São Paulo: Editora Senac São Paulo, 2004.

Canteiros aromaterapia:
http://canteirosaromaterapia.com/?p=465

Vida Floral:
http://www.vidafloral.com.br/blog/2014/nardo-oleo-essencial/

Fonte: http://aromasvitais.blogspot.com.br/2015/07/ficha-aromatica-nardo-nardostachys.html